Hidratação com a linha Hawaiian Coconut da PinaPow – eu testei!

Desde que parei com a escova progressiva, há quatro anos, venho travando uma batalha para recuperar meus cachos. Quatro anos??? Sim, você leu certo. Além dos danos causados pela progressiva, o período de transição ainda coincidiu com o tempo em que morei no Rio de Janeiro, com aquele sol maravilhoso para os cabelos #sqn! Ah, como se isso não bastasse, há pouco mais de um ano, aceitei a sugestão de um cabelereiro para fazer umas mechas mais nas pontas, meio estilo californianas, pra valorizar a cor. Realmente, a ideia era ótima e ficou muito bonito, mas ressecou ainda mais o que já estava ressecado… Desde então, decidi que não faria nenhum tipo de química até sentir que meu cabelo está 100% recuperado e forte.

Sigo firme nesta decisão e literalmente correndo atrás do prejuízo! rs. Há cerca de um ano comecei a fazer hidratação quase todo dia! Toda vez que lavo o cabelo, uso também uma máscara de hidratação. E vou intercalando diferentes produtos, vendo o que responde bem no meu cabelo ou nem tanto. Sinto que já melhorou bastante, mas ainda há um bom caminho a ser percorrido. Pra ser sincera, acho que só quando sair a parte das mechas é que vou conseguir ter o cabelo como eu quero. Enquanto isso, seguimos na luta!

Isso tudo foi pra dizer que venho usanso e testando muitos produtos e procedimentos que visam a recuperação dos fios. Recentemente, numa dessas buscas por novidades, comprei o óleo de coco umectante e a máscara de hidratação da linha Hawaiian Coconut, da PinaPow. Os produtos são veganos, formulados com óleo de coco 100% vegetal e possuem selinho cruelty free.

A embalagem é um charme!
Parece um coco mesmo!

O óleo de coco umectante eu já vinha usando há mais tempo junto com outras máscaras e estava gostando do resultado. Esta foi a primeira vez que usei o óleo de coco e a máscara da linha juntos. Passei primeiro o óleo e penteei o cabelo, deixei assim por uma ou duas horas antes de lavar para fazer a umectação. Outra coisa que dá pra fazer também é dormir com o óleo no cabelo e lavar no dia seguinte. Já passei quase um dia inteiro com o óleo no cabelo kkkkk..

Cabelo com o óleo fica com aspecto sujo mesmo..

Após lavar com shampoo, que não tira totalmente o óleo, é importante dizer, pois para tirar um óleo, só outro óleo, aplquei a máscara de hidratação Hawaiian Coconut no comprimeiro dos fios e deixei agir por 5 – 10 minutos. A máscara tem um cheirinho gostoso de coco bem suave e uma consistência bem boa, nem muito rala nem densa demais, o que facilita a aplicação.

A consistência é ótima! E o cheirinho bem suave.

Enxagüei normalmente e passei o condicionador nas pontas. Sim, nesse momento de foco total na hidratação, não dispenso qualquer forma de hidratação rs. Após tirar o condicionador, deixei secar naturalmente sem nenhum outro produto para mostrar o resultado, que foi esse aqui:

Cachos ficaram bem definidos! E brilhosos!
Aqui foi no dia seguinte, pela manhã, após pentear o cabelo, então, lógico que os cachos não estã mais definidos, mas dá pra perceber muito bem o brilho!

Eu gostei bastante do ressultado, acho que os cachos ficaram bem definidos mesmo sem usar o modelador, sem frizz e meu cabelo ficou bem brilhoso. O brilho, aliás, é o que mais me chama atenção no meu cabelo quando uso qualquer produto de coco. É pá pum! rs. Em termos de maciez e maleabilidade, porém, acho que deixou a desejar. Já tinha usado outras vezes o óleo de coco da Hawaiian Coconut para fazer umectação e depois hidratação com outras máscaras e acho que o resultado foi melhor do que com a máscara da mesma linha…

Uma combinação que gostei bastante e acho que potencializou o que cada produto tem de melhor foi a combinação: óleo de coco da PinaPow e a máscara de hidratação da Novex (que eu já fiz resenha aqui), acho que formaram uma ótima dobradinha! Além da Hawaiian Coconut, a PinaPow tem outras linhas: bomba turbinada, hidratação power, i love cachos e liso responsa. Inclusive vi que essa linha de hidratação Power tem óleo de ojon, que eu amoooo! Fiquei com muita vontade de experimentar! Inclusive usando junto com o óleo de coco da linha Hawaiian Coconut como umectante. Para quem quiser saber mais sobre os produtos da marca, é só clicar aqui!

O que acharam? Mais alguém usa ou já usou os produtos da PinaPow?

Resenha: máscara Novex da Embelleze

Há quatro anos parei de fazer progressiva e, desde então, venho travando uma luta para recuperar meu cabelo. Sair a ‘parte lisa’ foi apenas o primeiro passo. A luta agora é para recuperar a massa e força do meu cabelo, que afinou muito com tanta química. Há um ano e meio venho fazendo hidratação praticamente todos os dias e finalmente começo a perceber resultados – aleluia!

Como vocês podem imaginar, estou sempre buscando produtos que auxiliem neste processo, como máscaras e ampolas que ajudem a turbinar o processo. Foi aí que resolvi experimentar a máscara Novex da Embelleze.

Experimentei a máscara da Novex de óleo de Argan

Comprei a máscara de óleo de Argan, que é meu segundo óleo preferido para cabelos depois do óleo de Ojon. A máscara vem numa embalagem de 1kg e com precinho super camarada: menos de 12 reais na Ikesaki.

A indicação na embalagem é para cabelos com frizz, pontas duplas, ressecados e sem brilho e promete um tratamento ultraprofundo. O ph é baixo 3,4 (máscaras hidratantes devem ter ph baixo para selar a cutícula dos fios) e diz que rende até 42 aplicações! Eles sugerem duas formas de utilização, sendo uma delas o tratamento intensivo de 3 minutos.

O que eu achei: a consistência da máscara é boa, nem muito fina nem muito densa, o que facilita bastante a aplicação. O cheirinho também é super suave. E rende bastante mesmo!

Após duas aplicações da máscara, em dias seguidos, acho que ajudou bastante no controle do frizz e na definição dos cachos. Senti o cabelo mais brilhoso também. A parte da hidratação deixou um pouco a desejar, senti principalmente as pontas ainda ressecadas. 

Veja o resultado nas fotos tiradas logo após a aplicação e no dia seguinte: Perceba a definição dos cachos e brilho na primeira foto logo após a aplicação. No dia seguinte, o frizz continua controlado e ainda se percebe o brilho no cabelo, mas as pontas ressecada já aparecem.

Foto tirada logo após a aplicação, com o cabelo ainda úmido.
Dia seguinte à aplicação: já aparecem as pontas ressecadas.

Meu parecer: Considero uma máscara boa para ser usada no dia a dia, principalmente levando em consideração as vantagens custo X benefício. Mas não considero uma máscara de tratamento profundo com efeito prolongado de hidratação. Se você está em busca de uma máscara para dar uma força extra sem ‘grandes milagres’ no tratamento diário (ou mesmo semanal), super vale a pena! 🙂

Alguém usa ou já usou essa máscara? O que acharam?